Criado e administrado desde setembro de 2022 por um seleto grupo de jornalistas e ativistas brasileiros e estrangeiros, a plataforma de conteúdo Sumaúma publicou o artigo da editora de conteúdo, Malu Delgado, que trouxe um raio-X inédito sobre o uso do discurso ambientalista do governador do Pará, Helder Barbalho (MDB) e seu interesse de se manter no poder local e que arrisca cada vez mais avançar para outros espaços de representação política. No entanto, em meio às contradições de seu agir político e empresarial e sob o risco de não entregar o que promete, o governador do Pará pode estar por enterrar seu legado e de sua família.

Em Belém, capital do estado, o prefeito que diz que disputará a reeleição devido o apoio que tem de Lula e de Helder, não reconhece seus limites e nem incompetência. Em Salvaterra, o crime e a impunidade aterrorizam os moradores que esperam um dia viver na propaganda que o governo estadual paga nos meios de comunicação.

Comentários nas redes sociais e áudios de suspostos policiais dão conta de que o policial morto hoje em Belém, tal como aconteceu com o soldado da PM de Cametá foi atingido por um tiro que partiu da arma da própria PM do Pará. O ex-deputado Wladimir Costa também falou sobre o assunto em sua emissora de rádio, onde disse que os policias estavam na operação para proteger os bandidos.